Buscar
  • Equipe Lanterna de Diógenes

Sabedoria da mente, e não prazeres da mesa!



Bion de Boristenes fez bem em dizer que não se deve extrair os prazeres da mesa, mas da sabedoria da mente.

-

Hoje a anedota não é de Diógenes de Sínope, mas de Bion de Boristenes. Bion é considerado um cínico, embora tenha passado por várias escolas filosóficas ao longo de sua vida.


Essa anedota em particular mostra que uma convicção muito próxima, de fato, da posição cínica. Os cínicos fazem ode a satisfação de necessidades naturais, tais como a alimentação. Mas recriminam a luxúria na hora de comer. O prazer da refeição se dá na satisfação e não na fartura.


Além disso, é sempre importante nos atentarmos para a tese cínica da suficiência da virtude: por isso a sabedoria da mente é enfatizada pelo Bion de Boristenes.

13 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Arquivo